InternacionalIsraelSegurança

ONU condena ataque do Hamas contra cidades israelenses, que deixou civis mortos e feridos

[Foto: Loey Felipe / UN Photo]

O Secretário-Geral da ONU, António Guterres, emitiu uma condenação veemente ao ataque realizado pelo Hamas contra cidades israelenses próximas à Faixa de Gaza, causando a morte de vários civis e ferindo centenas de pessoas. O incidente que ocorreu hoje, envolveu o disparo de milhares de foguetes em direção a centros populacionais israelenses.

Os ataques resultaram na trágica perda de vidas civis israelenses, bem como no sequestro de cidadãos de suas próprias casas, causando consternação e indignação. O Secretário-Geral expressou profunda preocupação com a situação da população civil e apelou à máxima contenção. Ele ressaltou a importância do respeito e proteção dos civis, de acordo com o direito internacional humanitário.

Neste contexto, o Secretário-Geral estendeu suas mais sinceras condolências às famílias das vítimas e instou à imediata libertação de todas as pessoas sequestradas. Além disso, ele enfatizou a necessidade de esforços diplomáticos para evitar uma escalada ainda maior de conflitos na região.

António Guterres sublinhou a inviabilidade da violência como meio de solucionar o conflito e reiterou que somente por meio de negociações, que levem a uma solução de dois Estados, a paz poderá ser alcançada.

A situação atual na região permanece tensa e requer atenção contínua da comunidade internacional na busca de soluções que garantam a segurança e o bem-estar da população civil.

error: Não é possível copiar.