Instituição planeja treinar cães para detectarem COVID-19

[Foto: Richard Souza / Arquivo / AN]

A instituição Medical Detection Dogs, do Reino Unido anuncia que treinará cães para que estes possam identificar casos de COVID-19 de forma não invasiva, literalmente farejando a presença do coronavírus causador da doença, identificando pessoas infectadas. O projeto deverá ter como parceiros a London School of Hygiene and Tropical Medicine (LSHTM) e a Durham University.

Os primeiros cães a participar desse projeto devem ser Norman, Digby, Storm, Star, Jasper e Asher. Aprovados em avaliação inicial, serão treinados para detectar o víus.

A instituição acredita que, sendo bem sucedidos no treinamento, os cães poderiam ajudar na inspeção de viajantes entrando no país, por exemplo.

Deixe uma resposta