Polícia Federal realiza buscas na residência de Wilson Witzel

[Foto: Aline Souza/GE]

A Policia Federal (PF), esteve na manhã desta terça-feira (26), no Palácio Laranjeiras, residencia oficial do Governador do Estado do Rio de Janeiro, com o objetivo de cumprir mandatos de busca e apreensão. A ação faz parte da Operação Placebo que apura indícios de desvios de recursos públicos que são destinados para o estado de emergência na saúde pública do estado do Rio de Janeiro durante a pandemia do novo coronavírus.

Ao todo foram cumpridos 12 mandatos de busca e apreensão nas cidade do Rio de Janeiro e São Paulo. As ordens foram expedidas pelo Superior Tribunal de Justiça (STF).

De acordo com nota oficial da Policia Federal, as investigações apontam um esquema de corrução no estado: “Elementos de prova, obtidos durante investigações iniciadas no Rio de Janeiro pela Polícia Civil, pelo Ministério Público Estadual e pelo Ministério Público Federal naquele estado foram compartilhados com a Procuradoria Geral da República no bojo de investigação em curso no Superior Tribunal de Justiça e apontam para a existência de um esquema de corrupção envolvendo uma organização social contratada para a instalação de hospitais de campanha e servidores da cúpula da gestão do sistema de saúde do Estado do Rio de Janeiro”, informou a nota.

Deixe uma resposta